A simples vida complicada de Alice - Capítulo 1

quarta-feira, julho 18, 2012


Eu só posso te jogado pedra na cruz na minha outra vida, só pode! Vocês devem estar pensando que sou mais uma patricinha mimada, que reclama de tudo e de todos, que não liga pra nada. Bem, quem me dera ser assim! Eu nasci numa família de loucos e ainda nasci feia. Ok que não sou tão feia assim, mas o que custava investir mais um pouquinho em mim heim Deus?
Vocês devem estar me imaginando o próprio dragão de São Jorge agora. Bom, tenho uma altura mediana, cabelos castanho escuro e cacheados, olhos castanhos e dizem que sou a exata copia da minha mãe. Coitada dela, ser assim! Esta bem chega de falar de mim, vamos falar do motivo da minha loucura.
Começando pelo meu pai, para a idade dele, até que ele é bem conservado. É dono de uma livraria de autores anônimos, onde há somente dois funcionários, meu pai e meu irmão mais velho. Já que toquei nele, ele será o próximo, Tadeu, como eu já disse, é o mais velho dos irmãos. Tem 17 anos e é meio revoltado (depois explico minha teorias ). Também tenho uma irmã, a Mariana, 16 anos, ela é a puxa saco do papai. Faz tudo que ele pede e até o que ele não pede. É o exemplo de filha.  A filha que todo pai pediu a Deus. Blá Blá Blá.

Ai gente que coisa a minha, nem me apresentei, eu sou Alice. Tenho 14 anos. E sejam bem vindos ao meu Diário Falado (coisa chique, né?). Foi a Malu que inventou.

Nenhum comentário:

Feito por Lídia Munt. Tecnologia do Blogger.