Acordei tarde e finalmente era sábado. Levantei me sentido uma meleca. Com dificuldade olhei para o meu quarto. Tão simples, tinha vezes que me cansava dele. Um guarda roupa, onde na prateleira do meio se encontra uma pequena televisão. No outro lado em cima de uma escrivaninha há o meu Notebook e um baú de madeira onde se encontra uma pequena máquina de costurar portátil. Na janela a mesma vista do meu bairro cercada por uma cortina e um pequeno mobile de Origami. Levanto-me e tropeço em um livro, Harry Potter e as relíquias da morte. Pego o livro e o guardo na prateleira. Olho-me no espelho na porta do guarda roupa e o que eu vejo é um monstro: cabelos desarrumados, olheiras, remela e uma camisola da Barbie. Desci e fui direto para a cozinha comer meus biscoitos recheados de sempre. A porta do quarto do meu pai se abre e quem sai de lá? Minha mãe é claro! Coloquei-me de pé pronta para voltar ao meu esconderijo, mas infelizmente minha mãe me seguiu e rapidamente falou:
- Eu quero ser parte dessa família novamente...
- Mãe me desculpe, mas por mim tudo fica do jeito que estava. O que você realmente veio fazer aqui?
- Eu vim para conversar com seu pai, mas agora estou confusa, coisa de adulto, coisa da sua mãe...
- Deve ter sido a mesma coisa quando você se foi né?
Minha mãe pareceu ofendida então logo me apressei:
- Desculpa mãe, mas é difícil...
- Eu sei, tem toda a razão...
Sai da cozinha e fui para o banheiro. Tomei banho e rezei para que a água levasse meus problemas junto com ela. Não sei o que minha mãe quer aqui, só sei que ela está deixando tudo de cabeça para baixo. Minha mãe quer se aproximar de nós, mas minha irmã estava com ciúmes já que ela sempre fora a "mulher da casa" e meu irmão não para em casa. Sai do banho e meu irmão estava tomando café, estranhei a casa vazia.
- Cadê todo mundo?
- Mamãe e papai saíram e só volta à noite, a Mari saiu com o namorado e eu vou ficar o dia todo em casa.
- Eu também.
Fui para o meu quarto ouvir algumas músicas e ver episódios das minhas séries favoritas, entre elas: Gossip Girl, Glee, The Vampire Diares, The Big Bang Theory... Estava com muita fome quando sai do meu quarto e então decidi ir comprar um sanduíche. Sai pelas portas do fundo para não atrapalhar meu irmão. Comprei um daqueles sanduíches gordurosos e gostosos. Voltei e fui direto para a cozinha pegar um prato. Cantarolando Lady Gaga, fui para a cozinha e vi a cena mais estranha da minha vida: meu irmão beijando um garoto! Corri para o meu quarto e lá me tranquei, até perdi a fome. Não é que eu seja contra os homossexuais é que eu estava assustada, ninguém nunca imagina que isso acontecerá com alguém da sua família e no meu caso, alguém tão próximo. A essa altura já estava chorando e esperei o que pareceu mil anos, respirei fundo e senti meu celular vibrar, era meu um SMS do meu irmão:"Aluguei um filme legal, que tal?". Na hora respondi que sim. Aproveitei e postei no ThePage.com:"Bomba familiar! - Humor: Assustada". Levantei-me e fui até a sala, meu irmão estava sozinho então me sentei ao lado dele.
- Por que não me contou?
- Do que está falando?
- Eu vi você beijando aquele garoto..
- Por favor, não fala com o papai, não conta para ninguém, por favor...
- Não vou contar, mas acho isso errado, esconder de todo mundo assim! Sabe que o papai é de boa com esses assuntos... Quem é ele? Há quanto tempo estão juntos?
- O nome dele é Lucas e estamos juntos há três meses. Ele é o único que realmente me conhece...
- Isso é realmente lindo e estou feliz por você, mas tem que contar para o papai!

Mesmo estando um pouco brava por ele esconder aquilo de todo mundo, nós abraçamos e fomos assistir "A mentira" com direito a pipoquinha, refrigerante e brigadeiro! Acabamos adormecendo e só acordamos de noite.

Deixe um comentário