Oi Mentes Inquietas, tudo bem com vocês?!
Hoje eu vim trazer a retrospectiva das cinco melhores leituras de 2016!
Eu não li tantos livros assim esse ano. 
Até tentei cumprir uma meta literária esse ano, mas não deu certo (só li um livro dessa meta que eu propus a mim mesma haha')
Mas simbora para a lista?! 

5° Lugar: O que há de estranho em mim - Gayle Forman {Resenha desse livro aqui}
Ao internar a filha numa clínica, o pai de Brit acredita que está ajudando a menina, mas a verdade é que o lugar só lhe faz mal. Aos 16 anos, ela se vê diante de um duvidoso método de terapia, que inclui xingar as outras jovens e dedurar as infrações alheias para ganhar a liberdade. 
Sem saber em quem confiar e determinada a não cooperar com os conselheiros, Brit se isola. Mas não fica sozinha por muito tempo. Logo outras garotas se unem a ela na resistência àquele modo de vida hostil. V, Bebe, Martha e Cassie se tornam seu oásis em meio ao deserto de opressão. Juntas, as cinco amigas vão em busca de uma forma de desafiar o sistema, mostrar ao mundo que não têm nada de desajustadas e dar fim ao suplício de viver numa instituição que as enlouquece.
O meu problema com esse livro são dois. Primeiramente eu criei uma expectativa danada sobre o livro. Na minha cabeça, eu não sei porquê, eu o relacionei com o filme "Garota interrompida" e esse a história do livro é bem mais leve do que a história do filme. O outro ponto que me deixou meio chateada, foi o final meio milagroso. Não quero falar muito sobre isso para não dar spoiler, então vou deixar no ar! 
4° Lugar: Quem tem medo de lobo mal? - Cida Lima {Resenha desse livro aqui}
Isabel se envolve com Alexandre. Ele, o garoto sexy e popular que guarda um segredo sombrio. Ela, a moça tímida que prefere o sossego de sua vida pacata. A vida de Isabel muda quando um lobisomem assassino a persegue e ela se vê protegida e apaixonada pelo pai de Alexandre. No conflito que surge entre pai e filho, Isabel luta por sua vida e seu amor, em um mundo onde o sobrenatural é real e brutal, ao mesmo tempo sensual e envolvente.
Esse livro foi o responsável por me fazer ficar tanto tempo na minha cama, o lendo, que tem a forma do meu corpo lá até hoje haha' 
Sério, há tempos que um livro não me prendia tanto assim! Ele fala sobre tudo que eu gosto: romance, ação e sobrenatural. É um dos primeiros que eu li que foca na lenda do lobisomem de uma forma muito bem explicada. Sério, assim como eu, você vai querer fazer parte de um mundo onde lobisomens como Alexandre vive! 
3° Lugar: 1+1 - A matemática do amor - Augusto Alvarenga e Vinícius Grossos {Resenha desse livro aqui}
Lucas e Bernardo são dois garotos, melhores amigos um do outro de toda a vida. De repente, recebem a notícia de que Bernardo irá se mudar com a família para outro país. Nesse momento, cada um a seu modo, percebe como valiosa era aquela amizade, algo que não queriam perder. Bernardo reage mal e se revolta. Lucas tenta transformar cada dia que resta com o amigo na melhor experiência de suas vidas. Ele escreve uma lista de coisas para fazer e pretende cumprir uma por uma, em todos os detalhes. Mas, a cada dia, o fantasma da separação os assombra com um cronômetro lembrando que o tempo se esgota e, ainda assim, os dois passam por grandes momentos juntos. Então os meninos percebem que há algo mais entre eles... um sentimento profundo, que não conseguem explicar e tornam todas aquelas experiências ainda mais intensas. Mas o que fazer com tudo isso quando se tem apenas 16 anos?
Esse é o livro mais amorzinho que eu li esse ano. Retrata a separação de amigos de infância e a descoberta do amor entre eles, além da própria sexualidade. Mas tudo isso é retratado de uma forma tão leve, com frases tão lindas e de uma forma que vai te conquistar. Além de ser um tema que foi tão discutido em 2016, que é a relação entre pessoas do mesmo sexo. 
2° Lugar: Temporada de acidentes - Moira Fowley-Doyle {Resenha desse livro aqui}
Acontece todo ano, na mesma época. Todo mês de outubro, inexplicavelmente, Cara e sua família se tornam vulneráveis a acidentes. Algumas vezes, são apenas cortes e arranhões. Em outras, acontecem coisas horríveis, como quando o pai e o tio dela morreram. A temporada de acidentes é um medo e uma obsessão. Faz parte da vida de Cara desde que ela se entende por gente. E esta promete ser uma das piores. 
No meio de tudo, ainda há segredos de família e verdades dolorosas, que Cara está prestes a descobrir. Neste outubro, ela vai se apaixonar perdidamente e mergulhar fundo na origem sombria da temporada de acidentes. Por que, afinal, sua família foi amaldiçoada? E por que não conseguem se livrar desse mal? 
Uma narrativa sombria, melancólica e intensa sobre uma família que precisa lidar com seus segredos e medos antes que eles a destruam.
É um daqueles suspenses que mistura sobrenatural de uma forma bem natural, tanto que após o primeiro capítulo você acredita em tudo aquilo que o livro nos conta. O drama familiar é bem discutido e colocado, e mesmo a família não sendo um exemplo perfeito no fim a gente já ama cada um deles.
1° Lugar: Corações Feridos - Louisa Reid {Resenha desse livro aqui}
Hephzibah e Rebecca são irmãs gêmeas, mas muito diferentes. Enquanto Hephzi é linda e voluntariosa, Reb sofre da Síndrome de Treacher Collins — que deformou enormemente seu rosto — e é mais cuidadosa. Apesar de suas diferenças, as garotas são como quaisquer irmãs: implicam uma com a outra, mas se amam e se defendem. E também guardam um segredo terrível como só irmãos conseguem guardar. Um segredo que esconde o que acontece quando seu pai, um religioso fanático, tranca a porta de casa. No entanto, quando a ousada Hephzibah começa a vislumbrar a possibilidade de escapar da opressão em que vive, os segredos que rondam sua família cobram-lhe um preço alto: seu trágico fim. E só Rebecca, que esteve o tempo todo ao lado da irmã, sabe a verdadeira causa de sua morte... Hephzi sonhara escapar, mas falhara. Será que Rebecca poderia encontrar, finalmente, a liberdade?
Essa foi a grande surpresa do ano. Digo porque o comprei na Black Friday e foi apenas pelo preço mesmo. Mas ao longo de cada página o livro foi me conquistando e também me enojando em algumas partes, já que o modo como os pais de Rebecca e Hephzi as tratam é tão horrível, que eu tinha que parar de ler em alguns momentos. Mesmo com tudo isso, é bonito de ver o final do livro e a superação da personagem principal, uma garota totalmente fragilizada por tudo que viveu sua vida inteira. 
Então é isso, Mentes Inquietas!
Comenta ai embaixo se você já leu algum desses livros da lista e qual foi o melhor livro que leu esse ano!
Um feliz Ano Novo para todos e muito obrigada por me acompanharem nesse 2016!
Até o próximo post e 2017! 
Beijokas :-*

Veja também: 

Acompanhe o blog nas redes sociais:

Deixe um comentário